Percorrendo e disseminando a cultura em Direitos Humanos em Alagoas

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 LinkedIn 0 Filament.io 0 Flares ×

Por: Elias Loureço 

O Desabafo Social tem rodado Alagoas propondo espaços de diálogos e buscando sensibilizar cada vez mais pessoas acerca da cultura em direitos humanos. Depois de termos passado pelas cidades de Maceió, Messias, Rio Largo e União dos Palmares, foi a vez do município de Santa Luzia do Norte nos acolher.

Após alguns episódios de constrangimento em redes sociais sofrido por alunos da Escola Municipal Santa Luzia de Siracusa, a instituição realizou convite solicitando a nossa palestra que tem como tema Uso Seguro da Internet, sendo realizada em dois momentos.

O primeiro bate papo foi com alunos do fundamental II que estudam no período da tarde. Jogos virtuais, cyberbullying e o uso excessivo da internet foram os pontos mais discutidos, tendo algumas histórias e experiências indesejáveis compartilhadas pelos participantes. Um dos adolescentes pontuou, ainda, sobre o risco de interagirmos com estranhos no ambiente virtual: “por trás dos perfis nos jogos ou em redes sociais não há como sabermos se as pessoas são quem realmente dizem ser, é preciso ter cautela“, disse.

                                    

Elias Lourenço, potencializador de redes do DS em Alagoas
Elias Lourenço, potencializador de redes do DS em Alagoas

13318626_965880016862621_1416079626_n

Já a noite tivemos um novo momento, dessa vez com alunos do EJA (Educação de Jovens e Adultos), onde os participantes eram em sua maioria pais, tios e responsáveis pelo público infantojuvenil, num contexto geral.  Propiciando assim uma outra perspectiva no diálogo, a perspectiva do orientar e monitorar crianças e adolescentes – principais vítimas do aliciamento sexual virtual, por exemplo – ao acessarem o cyberespaço e utilizar suas ferramentas.

13293133_965880280195928_1850820245_n

13281905_965880373529252_1100313476_n (1)

Foi um bate papo bastante rico onde as fraudes, golpes online e o sexting tiveram discussões profundas. Alguns casos na pequena cidade de divulgação não autorizada de imagens e vídeos contendo nudez foram relatadas, e as terríveis consequências passadas pelas vítimas. Ao final das duas atividades todos os participantes receberam cartilhas educativas da Organização SaferNet Brasil. O Desabafo Social agradece o convite feito pela Escola Municipal Santa Luzia de Siracusa e se coloca a disposição para futuras parcerias.

Comentários

Comentários

Faça parte da nossa rede!

Fique por dentro que tudo que fazemos nos seguindo nas redes sociais!

   

Powered by WordPress Popup